quinta-feira, 30 de julho de 2015

Uma carta pra você

Ei você... 

Que sempre reclama que não posto mais nada. Que sempre reclama que eu deveria escrever mais sem nem ficar bravo comigo. Logo me puxa a cintura e me beija as bochechas, me fazendo rir ou até mesmo rindo enquanto eu falo besteiras, danço deitada em cima de você (sem ser de uma maneira obscena mas sim de uma maneira totalmente maluca mas não psicótica) ou fico somente me comportamento como uma criança elétrica e cheia de energia que sou. 

Esse texto é pra você. 

A verdade é que eu tenho ficado muito tempo ocupada pra parar para escrever... e não digo somente das minhas atividades do dia-a-dia que você já sabe que são super e hiper movimentadas. Não... eu digo da minha mente. Minha mente tem ficado ocupada. 

"Com o que?", você pode se perguntar... 

Sei que os mais românticos pensariam ou até falariam "porque eu estou pensando em você". Ahhhhh, o clichê. É tão bonito e tão clichê. Mas não sou eu, embora eu saiba também ser clichê. Ela está ocupada demais porque eu estou rindo. Sorrindo, me divertindo. Minha mente está ocupada demais porque ela está pensando não somente em você mas pensando em como aproveitar todo esse tempo que tenho. Está ocupada porque ela não consegue pensar enquanto tem um sorriso largo ou uma gargalhada saindo de mim. Ocupada demais pensando em como passar as próximas missões dos jogos que jogamos juntos... ou ocupada demais pensando em como te(ntar) assustar, como fazer você rir, ou simplesmente ocupada demais porque eu simplesmente paro de pensar quando vejo o seu sorriso. Minha mente flutua. Se embaralha, se atrapalha nos meus mais que mil pensamentos... e não, eu não penso em você e esse é o meu maior encantamento, porque eu simplesmente não penso. Só vejo esse sorriso largo com esses olhinhos brilhando que me deixam completamente paralisada. Feliz. Feliz por saber que pelo menos um pouquinho de alegria eu tenho conseguido trazer em sua vida ♥

Te amo antes de ontem, ontem e hoje. O amanhã a gente escolhe e enquanto ele não chega... a gente se diverte no nosso presente bagunçado de risada, fofura e nerdices. E ah: amor. ♥

Um comentário: